segunda-feira, 1 de março de 2021

Ministro de Bolsonaro é aplaudido ao apontar como presidente se livrou de ‘almas sebosas’: ‘É melhor morrer no espanto que viver com medo’


No decorrer de cerimônia realizada no Ceará, Gilson Machado, ministro do Turismo do Governo Bolsonaro, apontou como o presidente Jair Bolsonaro tem dormido apenas quatro horas por dia em virtude da necessidade de administrar o Brasil e cumprir compromissos oficiais. No ensejo, o ministro destacou como Bolsonaro o ensinou a ter coragem para enfrentar os desafios, enquanto cidadãos responderam aos gritos de “mito”.

Gilson destacou: “Nós temos, aqui, um presidente patriota, honesto, cristão, que não perdeu sua essência com o poder, não deixou a liturgia e a sofisticação do cargo tomarem conta de seu ser. Destemido, aprendi uma coisa com ele: é melhor morrer no espanto que viver com medo”.

Ademais, ele relatou: “Se livrou de todas as almas sebosas no governo e está, agora, com dois anos, fazendo o melhor governo que o Brasil já teve. Cuida dos mais vulneráveis, dos mais pobres, isso não é monopólio de um partido ou de uma gestão”.

Neste contexto, o ministro homenageou o chefe de Estado: “Não é fácil fazer a coisa certa. Às vezes, é mais fácil você se acomodar. Tenho muita gratidão de estar ao lado de um presidente que trabalha incansavelmente pelo país. Dorme 4 horas por dia. Eu e o Tarcísio somos testemunhas disso”.


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...