domingo, 11 de abril de 2021

Capitão Wagner expõe como ‘reverter’ CPI tendenciosa para atacar Bolsonaro e pede ajuda dos cidadãos


Em pronunciamento ao vivo, o deputado federal Capitão Wagner expôs uma iniciativa do senador Eduardo Girão destinada a substituir uma CPI que enfoca o Governo Bolsonaro, com objetivos políticos escusos e destinada a detratar o chefe de Estado, por uma Comissão Parlamentar de Inquérito verdadeiramente voltada a apurar irregularidades em todos os âmbitos de poder. Consoante o parlamentar, isso permitiria averiguar o que governadores e prefeitos fizeram com recursos repassados pelo Governo Bolsonaro.

O congressista assinalou: “O pedido de CPI que está posto e querem colocar para a frente é seletivo. Só quer investigar o Governo Bolsonaro, não prefeitos e municípios. Houve operações da Polícia Federal em muitos estados e muitas maracutaias foram descobertas. São necessárias 27 assinaturas para a abertura de uma CPI, faltam 4 assinaturas para que a CPI seja uma CPI ampla, que é o que a gente quer”.

Dessa maneira, ele ressaltou: “É necessário que os senadores sejam pressionados para assinar este documento. Se querem que seja investigado, que se investigue tudo. Se quer algo sério, assine esta, pois esta, sim, vai investigar o superfaturamento ou o desvio que foi realizado na prefeitura ou no governo estadual. Que seja algo sério, não com direcionamento político para perseguir ‘A’ ou ‘B’, desgastar o Governo Federal porque há eleição no ano que vem. Que se investigue todas as esferas. Se quer investigar, que seja algo completo, integral”.


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...