quinta-feira, 8 de abril de 2021

Ministro do STF, Kássio Nunes Marques contesta posição de Mendes sobre igrejas e critica desonestidade da mídia


O ministro Kássio Nunes Marques, do Supremo Tribunal Federal, ao votar na ação que analisa se governadores e prefeitos podem suprimir o direito ao culto a pretexto de combater a pandemia, lembrou que a missão máxima da Suprema Corte é proteger e zelar pelos direitos e garantias fundamentais do cidadão, mesmo em tempos de crise. O ministro apontou que circunstâncias adversas não podem servir de justificativa para fazer tábula rasa da Constituição. 

No início de seu voto, o ministro desabafou contra a velha imprensa, afirmando: "Vivemos, também, uma das maiores crises dos direitos individuais e coletivos dos últimos 100 anos. Criou-se um ambiente em que falar de direitos desperta termos como 'negacionismo' e outros 'ismos'".

Veja o voto do ministro Kássio Nunes Marques.


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...