domingo, 11 de abril de 2021

Senador rebate ‘declaração arrogante’ de Barroso: ‘eles não são semideuses, e nós temos que dizer isso a eles sempre’


Durante a superlive promovida pela deputada Bia Kicis para debater o voto auditável, o  senador Plínio Valério rebateu o que chamou de “declaração arrogante” do ministro Luís Roberto Barroso. O senador apontou que as autoridades responsáveis pelo processo eleitoral brasileiro têm por hábito manter uma postura arrogante em relação aos eleitores, e afirmou que não desejam permitir auditorias. Plínio Valério disse: “eles não querem, e eles pensam que podem dizer que não querem cumprir. Eles não são semideuses, e nós temos que dizer isso a eles sempre”.

O senador questionou: “me indago por que o Judiciário teme tanto auditar as urnas eletrônicas. Por que esse medo?”. Plínio Valério lembrou que, nas últimas eleições, houve um atraso de três horas, que o ministro Barroso atribuiu a um problema no computador. O senador apontou que é necessário colocar as explicações em xeque porque os eleitores precisam ter confiança plena no sistema. 

O senador disse ainda que foi o mais votado de seu estado, e continua achando que o sistema eleitoral precisa de mais segurança, porque trata-se de segurança para o eleitor, para que tenha confiança de que seu voto foi computado corretamente. Plínio Valério disse: “e quem está falando aqui, viu, ministro, é um campeão de votos, dados pela urna eletrônica, mas que quer, cada vez mais, segurança”. 


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...