quarta-feira, 5 de maio de 2021

General Braga Netto rebate petista sobre ‘decreto’ de Bolsonaro, se pronuncia sobre artigo 142 e desmente notícia falsa


No decorrer de participação na Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados, o general Braga Netto, ministro da Defesa do Governo Bolsonaro, rebateu narrativas apresentadas pelo deputado petista Carlos Zarattini, que afirmava que haveria risco de “quebra do Estado Democrático de Direito”. O general afirmou: “Não existe quebra de Estado Democrático de Direito na nossa visão, possibilidade disso. As Forças Armadas cumprem a Constituição, o artigo 142, garantia dos poderes constitucionais, da lei e da ordem. Para se ter uma democracia forte, os poderes têm de ser fortes, todos eles. E independentes. Essa é a questão. As Forças Armadas observam todo esse procedimento, prontas a atuar para equilibrar qualquer diferença e descompensação, desde que sejam acionadas, dentro das quatro linhas da Constituição. Ponto.”

No que concerne a uma suposta crise militar no Governo Bolsonaro, narrativa espalhada pela velha imprensa após a troca do ministro da Defesa, o oficial rebateu: “Não houve crise militar (...). Uma coisa que me preocupa muito em Brasília é que é pautada pela mídia e não por informações, dados de Inteligência, de informação. Os jornais põem a informação e isso vira uma realidade, sem nenhum questionamento. Falam de tensão, murro na mesa. Não houve nada. Reuni os comandantes e eles eram mais antigos do que eu. As Forças não tiveram turbulência, não teve crise militar nenhuma. As Forças continuam no seu papel constitucional”.


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...