quarta-feira, 26 de maio de 2021

Senador escancara como credibilidade de CPI está 'derretendo' e retruca desrespeito a Mayra Pinheiro, secretária de Bolsonaro


O senador Eduardo Girão lamentou a forma desrespeitosa como a dra. Mayra Pinheiro, secretária do governo Bolsonaro, foi tratada antes e durante sua oitiva na CPI da pandemia, também conhecida como “CPI do Circo”, “CPI da Cortina de Fumaça” e “Tribunal de Renan Calheiros”. O senador apontou que diferenças políticas não justificam o grau de desrespeito que foi observado com a médica na CPI. 

Girão lembrou que, antes mesmo da sessão, o relator da CPI, senador Renan Calheiros, já se referia à médica como “capitã clor****”, mostrando desrespeito e, especialmente, pré-julgamento. O senador acrescentou: “isso vai fazendo derreter a credibilidade dessa CPI”. 

Hoje, no início dos trabalhos, o senador lamentou a escolha dos requerimentos a serem votados. O senador apontou que é um dos objetivos da CPI investigar o uso dos recursos federais enviados a estados e municípios e os possíveis desvios. Girão disse: “a gente tem que ouvir autoridades que foram alvo de investigação”. O senador lembrou que o Consórcio Nordeste é alvo de investigação e de profunda suspeita por parte da população, mas o comando da CPI não permite que avancem esforços para investigá-lo. Ele disse: “tudo isso era para estar sendo ouvido aqui hoje, era para estar sendo pautado, mas não foi”.

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...