segunda-feira, 28 de junho de 2021

Bia Kicis lamenta pressão do STF sobre parlamentares: ‘Cada ministro se julga supremo e esquece que supremo é o povo’


A deputada federal Bia Kicis, presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, comentou, em sua live semanal, a manifestação de presidentes de partidos contra sua proposta de voto impresso auditável, e lamentou a pressão exercida por ministros do Supremo Tribunal Federal sobre parlamentares. 

Bia Kicis lembrou que membros da Comissão Especial que analisa a proposta visitaram o TSE e consideraram que a visita reafirmou seu entendimento de que o sistema afasta o eleitor. A deputada disse: “Depende da gente confiar no sistema, no software, e confiar que todo o sistema é manuseado por anjos incorruptíveis. A gente tem que acreditar nisso para ter certeza de que o nosso voto vai para o candidato que a gente escolhe. Como a gente não acredita nisso, continuamos querendo o voto impresso auditável”.

Bia Kicis comentou notícias da velha imprensa que relataram que os ministros Luís Roberto Barroso, Alexandre de Moraes e Gilmar Mendes atuaram para demover os partidos da ideia de aprovar o voto impresso. A deputada considerou que a atitude é uma interferência de um poder sobre outro, o que ela considerou muito grave, anti-republicano e antidemocrático. Bia Kicis disse: “O garoto-propaganda do TSE entrou em campo. O ministro Barroso entrou em campo, de forma nada republicana, e começou a fazer campanha, campanha deslavada contra o voto impresso”. A deputada explicou: “Pessoas que não foram eleitas por ninguém interferindo nos representantes legitimamente eleitos do povo”.

A deputada alertou: “estamos vivendo tempos muito sinistros, em que os valores estão todos invertidos. E as instituições não cumprem o seu papel, atravessam todos os limites, rompem todos os limites, desrespeitam as demais instituições, como o Judiciário tem feito com o Legislativo e já tem feito com o Executivo”. Bia Kicis acrescentou: “vivemos essa situação em que os ministros do Supremo se julgam, eles, os supremos. Cada ministro se julga supremo e esquece que supremo é o povo”.


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...