quarta-feira, 28 de julho de 2021

Bolsonaro convoca toda a imprensa e anuncia que mostrará provas sobre eleições de 2014 e 2018


Enquanto conversava com cidadãos nos portões do palácio da Alvorada, o presidente Jair Bolsonaro falou sobre a importância do voto e de eleições limpas e democráticas. Respondendo a uma cidadã que pedia uma mensagem aos jovens, Bolsonaro disse: 

Acho que todo mundo tem que participar das eleições. Agora, eleições democráticas com voto impresso. Nós não podemos admitir que as mesmas pessoas que tiraram o Lula da cadeia, tornaram ele elegível, vão ser essas pessoas que vão contar os nossos votos num quarto escuro no TSE. Isso não pode ser admitido. 

Nós queremos eleições democráticas, com voto impresso ao lado da urna eletrônica. Não é a volta do voto em papel. Você nem vai botar a mão no papel. Vai ver apenas uma maquininha imprimir seu voto. Você concorda, aperta um botão, cai numa urna e vai ser guardada para uma possível recontagem. 

Então, eleições sem termos uma prova, sem termos a certeza de que o seu voto foi para o candidato em quem você votou, isso não é eleição. 

Isso não pode acontecer no Brasil. 

O presidente questionou a campanha que vem sendo feita pelo ministro Luís Roberto Barroso, presidente do TSE. Bolsonaro questionou: 

Por que o ministro Barroso está tão preocupado de não ter eleições democráticas? Ele é contra a democracia? Parece que é. 

Se nós estamos oferecendo uma maneira de comprovar realmente que as eleições não vão ser fraudadas, por que ele quer que acabem as eleições e permaneçamos numa dúvida? 

Repito: amanhã, 19h, é hora da minha live, mas não terá live. Nós vamos convidar toda a imprensa, e também vamos transmitir pelas nossas redes sociais. Nós vamos mostrar as inconsistências das eleições de 2014 e 2018. E tem uma que vai ser uma bomba, vou falar para vocês. Como acreditar que as eleições são limpas no Brasil? Não são limpas. 

Alguns falam que o sistema eleitoral nosso é justo e seguro. É a mesma tecnologia de 96. Se, em 96, os bancos tinham dificuldades para evitar que pessoas entrassem nas contas, transferissem dinheiro etc, se eles continuassem com a mesma tecnologia, imaginem como seria hoje o sistema bancário. Seria uma peneira. E eles se aperfeiçoam dia a dia. Por que o nosso sistema de votação não pode ser aperfeiçoado dia a dia? É sinal de que tem coisa errada. 

Se você pode botar mais uma tranca na sua casa, por que não botaria? É a mesma coisa aqui. Geralmente, quem é o chefe do Executivo é que busca uma maneira de burlar. Eu estou fazendo exatamente o contrário. Nós não queremos confusão em 2022. Queremos a certeza de que o voto democrático será exercido por todos vocês. E quem está contra isso está contra a democracia. E eleições sob suspeição não são eleições. 

O presidente pediu responsabilidade dos eleitores na escolha de seus candidatos. Bolsonaro disse: 

O voto é importante até para prefeito e vereador. Muitos prefeitos fecharam tudo. Um vereador podia apresentar um projeto e questionar, na Câmara municipal, parte ou o todo daquele decreto. Desconheço, em qualquer lugar do Brasil, que isso tenha sido feito. Se fez, não tenho conhecimento. Então, quando se vota para vereador, não tem que ser voto do coração. Ah, aquele cara é bacana, sorri pra mim o tempo todo, vou votar nele. Não pode ser assim, pessoal. Tem que ser uma pessoa que tenha capacidade de exercer o seu trabalho dentro da Câmara municipal. Fica complicado. 

Eu lembro de um caso.. votaram no João da Banana. De repente, alguém daquela cidade, que eu conhecia, ligou para mim para resolver um problema… eu falei “manda o João da Banana vir falar comigo aqui em Brasília, ou então falar com o órgão adequado”. O João da Banana não fez nada. 

Agora, o cara vota num cara que não tem capacidade de resolver nada. Muitas vezes é um pobre coitado, sim. É uma pessoa que não tem cultura quase nenhuma. Como é que vai resolver os problemas? Como é que vai tratar de legislar? 

Não quer dizer que a pessoa letrada seja 10. As pessoas que mais prejudicaram o Brasil são as pessoas mais letradas. Mas começar, na ponta da linha, a exigir, realmente, do candidato, e dar um mandato para quem possa resolver o assunto. 

A um cidadão que brincou, dizendo que quem mais prejudicou o Brasil, o maior ladrão, não tem estudo, Bolsonaro disse: "Esse não tem. O que o antecedeu era um sociólogo que bagunçou com o Brasil também, né?"

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...