terça-feira, 13 de julho de 2021

Bolsonaro explica indicação para novo ministro do STF após anunciar nome e reunir-se com Fux, presidente do Supremo


Em entrevista coletiva à velha imprensa após a conversa com o presidente do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux, o presidente Jair Bolsonaro anunciou a indicação do atual Advogado-Geral da União, André Mendonça, para o tribunal. 

O presidente disse: “Na última vinda minha aqui, o presidente Fux pediu  para eu apresentar o nome do próximo indicado depois da aposentadoria do senhor Marco Aurélio. Já aconteceu a aposentadoria dele, então, em respeito ao Marco Aurélio, devemos apresentar hoje à noite o nome do André Mendonça. Como tem um Diário Oficial especial hoje, eu pedi que, após a reunião com o senhor ministro Fux, fosse publicada a indicação do sr. André Mendonça”. 

Bolsonaro respondeu sobre a possibilidade do nome de André Mendonça ser aprovado pelo Senado. O presidente disse: “Eu converso sempre com os senadores, o André também vem fazendo a peregrinação no Senado Federal. Na contagem dele, existe uma grande possibilidade de ser aceito. Pelo que tudo indica, a cada dia que passa ele ganha mais adeptos. E é um ministro que, pode ter certeza, em chegando aqui… ele é, sim, extremamente evangélico. É pastor evangélico. Já falei para ele que só faço um pedido para ele: que, pelo menos uma vez por semana, ele comece a sessão com uma oração. Isso está fechado, independente do meu pedido, e tenho certeza de que os demais ministros do Supremo, caso ele seja aprovado pelo senado, não vão se opor a isso, muito pelo contrário. Vão se sentir com a alma bem mais leve para fazer os seus julgamentos”. 

A um repórter que disse que o estado é laico, Bolsonaro disse: “O que é estado laico? Tinha que ser ateu para ser presidente da República? Eu, por exemplo, sou católico, minha esposa é evangélica. Acredito em Deus. Como eu sempre digo: temos agora um presidente da República que acredita em Deus, que respeita seus militares, que defende a família e deve lealdade absoluta ao seu povo. Qual é o problema lá? O que é o estado laico? É nós não impedirmos outras religiões em prol de uma só, ou impedir todas as religiões de maneira geral. O público evangélico, que está na casa de  40% no Brasil, merece uma pessoa aqui dentro”.

O presidente acrescentou: “Agora, além de ser evangélico e pastor, ele tem um profundo conhecimento das questões jurídicas. Ele é uma pessoa que, pelas funções que ocupou no passado, até antes de me conhecer, e depois, na AGU, na Justiça… deu para ele uma possibilidade de transitar bastante entre os três poderes em Brasília. Não é uma pessoa crua que está chegando aqui. Ele tem um passado invejável. E é uma pessoa extremamente equilibrada. Eu até pedi pra ele, quando nós gravamos a última reunião de ministros, e ele falou por aproximadamente 15 minutos. Eu pedi para ele para, depois da sabatina dele, divulgar esse vídeo dele, onde ele levou mais da metade de quem estava presente às lágrimas. Então, esse é André Mendonça: um homem equilibrado, religioso, respeitador, e que tem os seus princípios e é uma pessoa que vai contribuir muito para com o Supremo Tribunal Federal”.

Após a publicação da indicação, André Mendonça manifestou-se, pelas redes sociais, dizendo: 

Com a submissão de meu nome ao Senado Federal, agradeço a Deus pela vida e por essa possibilidade de servir meu país; à minha família, pelo amor recíproco; ao presidente Jair Bolsonaro, pela confiança; aos líderes evangélicos, parlamentares, amigos e todos que têm me apoiado.

Coloco-me à disposição do Senado Federal. De forma respeitosa, buscarei contato com todos os membros, que têm a elevada missão de avaliar meu nome.Por fim, ao povo brasileiro, reafirmo meu compromisso com a Constituição e o Estado Democrático de Direito. Deus abençoe nosso país!


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...