quinta-feira, 8 de julho de 2021

Flávio Bolsonaro faz desagravo às Forças Armadas e denuncia excessos da CPI: ‘mancha a imagem do Senado’


No plenário do Senado, o senador Flávio Bolsonaro fez um desagravo às Forças Armadas, apontando que, se houve uma nota conjunta, foi porque estas se sentiram ofendidas pelas declarações do senador Omar Aziz, presidente da CPI da pandemia, também conhecida como “CPI do Circo”, “CPI da Cortina de Fumaça” e “Tribunal de Renan Calheiros”.

O senador alertou o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, dizendo: “O que a gente tem visto na CPI tem manchado a imagem do Senado de uma forma difícil de se recuperar”. O senador exemplificou: “Um show de horrores, uma desumanidade com as pessoas que sentam naquela cadeira para depor, em especial se acham que vão falar algo que não comprometa o governo, em especial o relator. Ameaça de prisão, atrapalhando depoimentos, constrangendo testemunhas, enviando para a Receita ofícios sobre pessoas que sequer foram citadas na CPI”. 

Flávio Bolsonaro criticou a atuação do relator da CPI, Renan Calheiros, apontando abusos nos interrogatórios e em medidas como apreensão de celular e quebras de sigilos, e relatou que há rumores de que Renan Calheiros tenta atingir pessoas próximas à família Bolsonaro. Flávio Bolsonaro disse: “Não é isso que o Brasil espera de um senador, não é isso que o Brasil espera do Senado Federal”.

O senador questionou: “Quantas vacinas no braço do povo a CPI botou? O que a CPI tem feito para ajudar o Brasil a sair dessa crise? Quantos empregos a CPI salvou? Está sendo uma vergonha para a população”. E prosseguiu: “Infelizmente, só o tempo vai nos mostrar como esta CPI está fazendo mal ao Brasil, muito mal”. O senador resumiu: “a preocupação nunca foi ajudar o Brasil a sair dessa crise”. 

O senador Omar Aziz, por sua vez, cobrou, em Plenário, uma resposta do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, afirmando que a nota das Forças Armadas visaria intimidar o Senado Federal. Aziz disse: “Podem fazer 50 notas contra mim, só não me intimidem”.


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...