terça-feira, 13 de julho de 2021

Senador Marcos Rogério retruca sobre impeachment de Bolsonaro, confronta Renan, contesta CPI e detona Lula e Dilma


Em entrevista coletiva antes do início de sessão na CPI da Pandemia, também conhecida como “CPI do Circo”, “CPI da Cortina de Fumaça” e “Tribunal de Renan Calheiros”, o senador Marcos Rogério retrucou investidas da oposição pelo impeachment do presidente Jair Bolsonaro e denunciou a parcialidade de Renan Calheiros e de opositores do chefe de Estado na Comissão Parlamentar de Inquérito.

Marcos Rogério frisou: “A população está acompanhando os trabalhos e está vendo. O relator, Renan Calheiros, já chegou à CPI com uma sentença debaixo do braço. Não há o cuidado de investigar, buscar provas, evidências. Ele já tem uma pré-condenação apresentada na CPI. Isso tira um pouco a legitimidade do trabalho do relator. Deveria preservar o processo e o papel da CPI. Ele trabalha com narrativas. É um enredo pré-eleitoral”.

Questionado no que tange a evidências que poderiam pautar o impeachment do presidente Jair Bolsonaro, o parlamentar retrucou: “Não há prova nenhuma até agora. A CPI está rodando em círculos. Não há qualquer evidência. Até agora, só narrativas. Narrativa não é prova, não se traduz em prova factual, evidência. É o que tem até agora: narrativas. Falaram que era o maior escândalo de corrupção do Governo Bolsonaro. Diga quanto foi pago nesse contrato, a quem favoreceu, quem se beneficiou, qual empresa, qual pessoa, qual lobista”.

Outrossim, o congressista rememorou os substanciais valores envolvidos em desvios ocorridos nos governos petistas: “Talvez estejam falando na CPI com memória dos governos Lula e Dilma. Neste caso, sim, havia bilhões de reais desviados. Tinha corrupção de verdade. Só do BNDES para fora do Brasil, foram quase R$60 bilhões. Petrobras, estatais, ministérios: outros bilhões desviados. No governo atual, não há uma prova sequer que aponte para corrupção”.


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...