sábado, 28 de agosto de 2021

Bolsonaro 'convida' 11 ministros do STF e governadores para discursarem em 7 de setembro: 'A esse povo, devemos lealdade'


O presidente Jair Bolsonaro discursou durante encontro com lideranças do estado de Goiás, quando lembrou a importância do setor do agronegócio durante a pandemia, mantendo o abastecimento, no Brasil e no mundo. 

Bolsonaro afirmou: “o bem maior que nós podemos ter é a nossa liberdade”, lembrando: “nenhuma pessoa, seja do Executivo, do Legislativo ou do Judiciário, é melhor do que o outro. Nenhum de nós está acima da Constituição. Todos nós devemos respeito à Constituição e quem porventura trabalha fora dela deve ser devidamente advertido e, se não se enquadrar à nossa Constituição, deve sofrer um processo um pouco mais complexo, com toda a certeza”. Bolsonaro foi intensamente aplaudido. 

O presidente prosseguiu falando sobre as manifestações marcadas para o sete de setembro, convidando os políticos a estarem no meio do povo. O presidente convidou todos os governadores, prefeitos, deputados federais, estaduais, prefeitos e vereadores, e acrescentou: “convido também qualquer um dos 11 ministros do Supremo Tribunal Federal a ocupar o carro de som e falar com o povo brasileiro”. Dirigindo-se ao povo, Bolsonaro disse: “vocês são os nossos patrões. Esse compromisso de bem servir à nação é de todos nós”.

O presidente Jair Bolsonaro alertou sobre problemas que podem surgir a partir do julgamento em curso no Supremo Tribunal Federal sobre o marco temporal para demarcação de terras indígenas. Bolsonaro disse: “o Brasil de amanhã é aquele que cada um de nós fizer no dia de hoje. O Supremo ia votar, e passou para a semana que vem: o novo marco temporal. Essa proposta no Supremo já tem dois votos contrários à nós, contrários à Constituição. Isso, caso aprovado, ao arrepio da nossa Constituição - podemos ter, de imediato, uma ordem judicial para que se demarque uma área equivalente à região Sul do Brasil”. O presidente explicou: “isso simplesmente inviabilizaria o nosso agronegócio. Nós praticamente deixaríamos de produzir, de exportar. Sequer teríamos como garantir a nossa segurança alimentar. Caso isso seja aprovado, eu tenho duas opções. Já está decidido qual é a opção: é aquela que interessa ao povo brasileiro, é aquela que está na nossa Constituição”. 

Bolsonaro apontou que as decisões do Judiciário têm reflexo nos outros dois poderes, e lembrou que o Executivo e o Legislativo representam o povo, já que são eleitos pelo voto popular. O presidente disse: “e nós representamos sim, pelo voto, a população brasileira. Tenho certeza de que o poder Executivo e o poder Legislativo, em sua grande maioria, estarão ao lado da população brasileira”. 


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...