segunda-feira, 9 de agosto de 2021

Forças Armadas anunciam que blindados e tanques serão recepcionados por Bolsonaro em Brasília e despertam a ira da esquerda


A Marinha do Brasil despertou a ira de parlamentares e ativistas de esquerda ao anunciar que um comboio de blindados passará por Brasília e será recepcionado pelo presidente Jair Bolsonaro. Em comunicado, a Marinha explicou: 

Nesta terça-feira (10/8), pela manhã, um comboio com veículos blindados, armamentos e outros meios da Força de Fuzileiros da Esquadra, que partiu do Rio de Janeiro, passará por Brasília, a caminho do Campo de Instrução de Formosa (CIF). Na oportunidade, às 8h30, no Palácio do Planalto, serão entregues ao Presidente da República, Jair Bolsonaro, e ao Ministro da Defesa, Walter Souza Braga Netto, os convites para comparecerem à Demonstração Operativa, que ocorrerá no dia 16 de agosto, no CIF.

Realizada desde 1988, a Operação Formosa é o maior treinamento militar da Marinha do Brasil no Planalto Central. Este ano, a operação, pela primeira vez, contará também com a participação do Exército Brasileiro e da Força Aérea Brasileira.

A Operação Formosa tem o propósito principal de assegurar o preparo do Corpo de Fuzileiros Navais como força estratégica, de pronto emprego e de caráter anfíbio e expedicionário, conforme previsto na Estratégia Nacional de Defesa.

Este ano, a Operação Formosa envolverá mais de 2.500 militares, da Marinha, do Exército e da Força Aérea, que simularão uma operação anfíbia, considerada a mais complexa das ações militares, empregando mais de 150 diferentes meios, entre aeronaves, carros de combate, veículos blindados e anfíbios, de artilharia e lançadores de mísseis e foguetes. Foram transportadas 1.500 toneladas de equipamentos do Rio de Janeiro para Brasília, num deslocamento de mais de 1.400 km.

Após a velha imprensa associar a passagem dos blindados à votação, no plenário da Câmara, da PEC do voto impresso auditável, marcada de véspera, parlamentares da extrema-esquerda se agitaram. O PSOL anunciou que impetraria um mandado de segurança para cancelar a operação militar. Diversos parlamentares também se manifestaram, com narrativas diversas. As reações dos esquerdistas foram alvo de comentários nas redes sociais. 

O presidente do PTB, Roberto Jefferson, questionou: “As Forças Armadas vão fazer um desfile na Praça dos Três Poderes, que mal há nisso? Isso é mais do que comum neste período próximo ao Sete de Setembro. Inclusive na Semana da Pátria sempre há uma exibição de tanques e outros blindados do Exército que atraem milhares de crianças. Parece que a esquerda entra em surto quando ouve ou lê a palavra ‘tanques’”.

Jefferson acrescentou: “O senador Alessandro Vieira e a deputada Tabata Amaral acionaram a Justiça com uma ação popular para tentar barrar o desfile militar com tanques, programado para esta terça-feira na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. Que medo é esse que a esquerda tem dos tanques, hein?”

O jornalista Rodrigo Constantino explicou: “A analogia certa com a Coreia do Norte ou qualquer país totalitário não é ter tanques na rua, mas ter um sistema eleitoral opaco, fechado, controlado por uma minúscula casta de ungidos donos do poder, que fizeram de tudo para barrar a mudança no Legislativo”.

A advogada Flávia Ferronato esclareceu: “O anúncio da entrega do convite da Marinha por tanques de guerra aconteceu na manhã de hoje. O agendamento da votação do voto impresso foi combinado no colégio de líderes à tarde. Nenhuma narrativa se sobrepõe à cronologia dos fatos”.

A advogada Raquel Stasiaki, por sua vez, questionou: “Gente nem começou o desfile das Forças Armadas e a classe política e a imprensa já estão de mimimi?”.

O deputado Junio Amaral avaliou: “É só falar em tanques que a esquerda surta”.

O deputado federal Nelson Barbudo ironizou: “A imprensa noticiou que Bolsonaro fará "demonstração de força com desfile de tanques de guerra", mas o que vai acontecer é a Operação Formosa, o maior treinamento da Marinha, realizado desde 1988. Parece que ficaram apreensivos né? Já podem voltar a respirar”.


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...