quinta-feira, 30 de setembro de 2021

Empresário Otávio Fakhoury se pronuncia antes de depoimento na CPI e aborda investigações de inquéritos de Moraes, do STF


O empresário Otávio Fakhoury, ao chegar para depor na CPI da pandemia, também conhecida como “CPI do Circo”, “CPI da Cortina de Fumaça” e “Tribunal de Renan Calheiros”, fez um breve pronunciamento em que lembrou que foi convocado de última hora mas compareceu. 

O empresário lembrou que já foi investigado no inquérito das Fake News e nada foi encontrado contra ele, havendo um parecer da Procuradoria-Geral da República favorável a ele. Fakhoury acrescentou: “Já fui investigado no inquérito de eventuais atos supostamente antidemocráticos e, por inexistirem indícios mínimos de infração penal, o mesmo foi arquivado com relação à minha pessoa”. Sobre a expectativa em relação à sessão, Fakhoury afirmou: “espero ser tratado com educação, cordialidade, urbanidade e respeito aqui no Senado”. 

Assim como o empresário Luciano Hang, que foi ouvido ontem, Fakhoury é alvo de perseguição, acusado de supostos ilícitos indeterminados, sempre a partir de reportagens produzidas pela velha imprensa e admitidas como provas pela CPI e por setores do Judiciário e do Ministério Público. Até a mãe do empresário foi alvo de busca e apreensão em um dos inquéritos conduzidos por Alexandre de Moraes no STF. 

A Folha Política também foi alvo do mesmo inquérito que Fakhoury. Embora o Ministério Público tenha arquivado o inquérito, o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, abriu um novo inquérito de ofício, e compartilhou os dados obtidos no inquérito arquivado, a seu bel-prazer. 

Atualmente, toda a renda da Folha Política e de outros canais conservadores está sendo confiscada a mando do ministro Luís Felipe Salomão, do Tribunal Superior Eleitoral, com o apoio e louvor do ministro Luís Roberto Barroso, presidente do TSE e ministro do STF. A decisão é direcionada à empresa e não a qualquer conteúdo específico, e confisca a totalidade da renda. Se você apoia a Folha Política e pode ajudar a impedir o fechamento da empresa, doe qualquer valor através do Pix, utilizando o QR Code visível na tela, ou o código ajude@folhapolitica.org

Há quase 10 anos, a Folha Política enfrenta a espiral do silêncio imposta pelo cartel midiático, mostra eventos da política brasileira e dá voz a pessoas que a velha imprensa quer calar. Pix: ajude@folhapolitica.org


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...