terça-feira, 21 de setembro de 2021

Senador Girão aponta intenções ocultas de Renan e Omar e pede CPMI para investigar ‘o que esta CPI aqui não quer investigar de jeito nenhum’


A caminho da sessão de hoje da CPI da pandemia, também conhecida como “CPI do Circo”, “CPI da Cortina de Fumaça” e “Tribunal de Renan Calheiros”, o senador Eduardo Girão concedeu uma entrevista coletiva e falou sobre o uso da CPI como palanque político e ferramenta para desgastar o governo Bolsonaro. 

O senador lembrou que a CPI se recusou a investigar o consórcio Nordeste, e disse: “dificultam, parece que blindam os poderosos aqui. Será que é porque existem dois ex-ministros do governo Dilma envolvidos até a medula?”. O senador lamentou que os trabalhos de todo o Senado estejam sendo impactados pela CPI sem que esta ofereça resultados. Girão disse: “a energia do Senado está sendo consumida por essa CPI, todo mundo sabe disso. O que a gente vê é um festival político, um espetáculo político”. 

O senador apontou que a CPI pode ser prorrogada, e ironizou: “precisa de um holofote para fazer propaganda política antecipada. Acho que vão levar o tempo que for necessário para continuar desgastando o governo”. Girão disse que, com a presença do ministro da CGU, Wagner Rosário, é possível que surjam alguns resultados, mas propôs uma CPI mista, com senadores e deputados, “para investigar o que esta CPI aqui não quer investigar de jeito nenhum”. 


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...