sábado, 11 de setembro de 2021

Senador Marcos Rogério cobra que STF cumpra sua parte na ‘pacificação nacional’ - Declaração de Bolsonaro à Nação


O senador Marcos Rogério, em vídeo divulgado pelas redes sociais, falou sobre a “Declaração à Nação” do presidente Jair Bolsonaro. Marcos Rogério disse: “mais que criticá-lo, vendo um recuo, é preciso considerar sua disposição de buscar a pacificação pelo bem do povo brasileiro”.

O senador apontou que o episódio traz à reflexão “quão difícil é a promoção de mudanças profundas na realidade política de nosso país”. Marcos Rogério prosseguiu: “se o presidente, mesmo com inequívoco apoio popular, teve a disposição de, novamente, se abrir ao diálogo, o mínimo que se espera é que as demais instituições tenham a humildade de fazer o mesmo. Não como vencedores, ou senhoras da razão, mas como coadjuvantes desse papel de pacificação nacional”.

O senador explicou: “O gesto do presidente não exime, por exemplo, o Supremo Tribunal Federal de reconhecer que não se pode usurpar as funções do Legislativo ou instaurar inquéritos sem fim, fora das balizas da Constituição e do devido processo legal. Isso é uma agressão à democracia”. 

O senador Marcos Rogério disse: “talvez hoje sua declaração não seja interpretada da melhor maneira. Seu gesto, contudo, é mais uma demonstração de sacrifício pessoal para que nossa república siga nos trilhos da constitucionalidade”. 


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...