sábado, 16 de outubro de 2021

Coronel Tadeu ‘desmonta’ Doria, governador de SP, e faz alerta: ‘Oportunista, covarde, mentiroso, marqueteiro’


O deputado federal Coronel Tadeu, em live transmitida por suas redes sociais, fez duras críticas ao governador de São Paulo, João Doria, e alertou sobre a necessidade dos eleitores banirem da política pessoas como ele. Coronel Tadeu lembrou: “Doria é oportunista, covarde, marqueteiro e mentiroso. Ele ganhou com a promessa de gestor, dizendo que não aceita reeleição, afirmando que iria cumprir o mandato dele. Depois, saiu e se lançou candidato a governador de São Paulo. Quem foi para o segundo turno nas eleições nacionais? Bolsonaro e Haddad. Oportunista como é, ele colou o nome sem autorização do presidente Jair Bolsonaro e colocou ‘Bolsodoria’. Foi no embalo do nosso presidente. A diferença entre Doria e Márcio França foi de 600 mil votos. Na política, a gente conta 300 mil, pois, se tirasse do Doria, o Márcio França venceria as eleições”

O deputado afirmou: “Agora, ele vem se postulando para a Presidência da República. Isso é muito ruim. Falo como paulistano, como paulista e como brasileiro. Ele precisa ser banido da política. Ele só pensa nele. Na política, temos de ter pessoas comprometidas em ajudar o povo. Comprometidas com o bem comum e não com o bem próprio. Precisamos ajudar os mais necessitados. Para isso que serve um gestor público que vai administrar os impostos que pagamos”.

Coronel Tadeu questionou: “O que temos de retorno dos muitos impostos que pagamos? Praticamente nada. A saúde não anda bem, roubam demais o dinheiro. A educação está muito, muito doente mesmo. Sou professor de Direito, já dei muitas aulas a minha vida toda, sei bem o que é uma sala de aula. O que esse sujeito covarde e mentiroso tem feito? Mais 10 praças de pedágio. Ele está realizando a arrecadação, a tomada de nosso dinheiro, ainda mais. Isso não tem cabimento. Estamos passando por um momento de dificuldade e ele quer impor ainda mais taxas”.

O parlamentar ironizou ainda a narrativa de que seria necessária uma “terceira via” nas próximas eleições. Coronel Tadeu disse: “A terceira via não é do agrado da população brasileira. A gente crê que não vai conseguir decolar”. 

Muitos brasileiros estão vivendo sob o jugo de uma ditadura, em que seus direitos e garantias fundamentais estão sendo desrespeitados. O país tem presos políticos e pessoas, jornais e sites censurados. A totalidade da renda da Folha Política, e também de outros canais e sites conservadores, está sendo confiscada a mando do ministro Luís Felipe Salomão, do Tribunal Superior Eleitoral, em uma decisão que recebeu o respaldo do presidente da corte, Luís Roberto Barroso, que é também ministro do STF.

Se você apoia o trabalho da Folha Política, que há quase 10 anos mostra os fatos da política brasileira, e pode ajudar o jornal a permanecer em funcionamento, doe qualquer valor através do Pix, usando o QR Code que aparece na tela ou o código ajude@folhapolitica.org.  Caso não utilize PIX, há a opção de transferência bancária para a conta da empresa Raposo Fernandes disponível na descrição deste vídeo e no comentário fixado no topo.

Há quase 10 anos, a Folha Política vem mostrando para você os fatos da política brasileira, fazendo a cobertura dos três poderes, e dando voz a pessoas que o cartel midiático quer calar. Pix: ajude@folhapolitica.org


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...