sexta-feira, 25 de fevereiro de 2022

Bolsonaro relembra fala de Alexandre de Moraes e diz: ‘mudou de lado. Por outros interesses, não sei quais’


Durante sua live semanal, o presidente Jair Bolsonaro rebateu narrativas da velha imprensa contra seu filho Carlos Bolsonaro e relembrou o discurso do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, que defendeu a liberdade de expressão. O presidente apontou que há uma perseguição contra seu filho, baseada na narrativa do “Gabinete do Ódio”. 

Bolsonaro questionou: “que medo é esse?”. O presidente prosseguiu: “Democracia é liberdade de expressão! Quem não quer ser criticado - alguém lembra disso, quem falou isso aí? - “Quem não quer ser criticado, fique em casa”. Vocês lembram quem falou isso aí? Eu não vou falar o nome da pessoa aqui, não. Mas vocês sabem quem foi que falou isso aí. “Quem não quer ser criticado, fique em casa”. Acho que essa pessoa, quando falou isso, estava certa. Depois mudou de lado. Por outros interesses, não sei quais”.

O ministro Alexandre de Moraes, embora tenha feito uma veemente defesa da liberdade de expressão durante sua sabatina no Senado e em julgamentos no Supremo, utiliza inquéritos secretos para perseguir adversários políticos. Nesses inquéritos, parlamentares, jornais e cidadãos comuns são censurados, sofrem medidas arbitrárias como buscas e apreensões e quebras de sigilo, e são até mesmo presos. 

Em um desses inquéritos, a sede da Folha Política foi invadida e todos os equipamentos do jornal foram apreendidos. Após a Polícia Federal atestar que não havia motivos para qualquer indiciamento, o inquérito foi arquivado a pedido do Ministério Público, mas o ministro abriu outro inquérito de ofício e compartilhou os dados do inquérito arquivado. Atualmente, a renda do jornal está sendo confiscada a mando do ministro Luís Felipe Salomão, ex-corregedor do Tribunal Superior Eleitoral, em atitude que foi elogiada pelo ministro Luís Roberto Barroso, do STF, então presidente do TSE. 

Se você apoia o nosso trabalho e pode ajudar a Folha Política a continuar funcionando, doe qualquer valor através do QR Code que está visível na tela, ou através do código pix ajude@folhapolitica.org. Caso não utilize PIX, há a opção de transferência bancária para a conta da empresa Raposo Fernandes disponível na descrição deste vídeo e no comentário fixado no topo.

Há quase 10 anos, a Folha Política vem mostrando os fatos da política brasileira, enfrentando a espiral do silêncio imposta pelo cartel midiático que pretende controlar o fluxo de informações no Brasil. Pix: ajude@folhapolitica.org

Em outra ocasião, o presidente Jair Bolsonaro já relembrou o discurso do ministro Alexandre de Moraes. Relembre. 


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...