sexta-feira, 11 de fevereiro de 2022

Paulo Guedes destaca generosidade de Bolsonaro: ‘o senhor acaba de ajudar 1,2 milhão de jovens que não tinham mais esperança’


O ministro da Economia, Paulo Guedes, discursou durante a cerimônia de divulgação dos novos critérios de desconto e renegociação das dívidas do Fundo de Financiamento Estudantil (FIES). O ministro lembrou que, durante uma grande crise financeira nos Estados Unidos, em 2008, ele ficou negativamente impressionado ao observar que houve ajuda para vários tipos de empresas, mas não para os estudantes endividados. 

O ministro apontou que o governo Bolsonaro tem sensibilidade social e busca ajudar a todos durante a pandemia, e afirmou que, quando o ministro da Educação, Milton Ribeiro, colocou os problemas de sua pasta, ele se lembrou do episódio americano. Paulo Guedes disse: “temos aqui milhões de jovens, com sonhos, que se endividaram com excesso de crédito”. 

Paulo Guedes lembrou que o problema foi criado por governos anteriores, mas o presidente Bolsonaro não quis deixar o erro sem reparação. O ministro disse: “o senhor acaba de ajudar 1,2 milhão de jovens que não tinham mais esperança. Não tinham para onde ir. (...) Não podem sequer começar a vida. Então, com isso, o presidente está fazendo um ato de extraordinária generosidade, mostrando a sensibilidade do governo e dando força para uma juventude que precisa se recolocar”. 

O ministro também pediu que os cidadãos não acreditem nas narrativas de que o Brasil não vai crescer este ano. Paulo Guedes lembrou vários momentos em que os “especialistas” erraram e disse: “e estão errando de novo, dizendo que o Brasil não vai crescer este ano”. O ministro apontou que o País já tem 800 bilhões contratados em investimentos e deve contratar mais 300 bilhões. Guedes disse: “O Brasil vai crescer, eles vão errar de novo”.

A ditadura da toga segue firme. O Brasil tem hoje presos políticos e jornais, parlamentares e influenciadores censurados. A Folha Política tem toda sua receita gerada desde 1º de julho de 2021 confiscada por uma ‘canetada’ do ministro Luis Felipe Salomão, ex-corregedor do TSE, com o aplauso e o respaldo do ministro Luís Roberto Barroso. Além disso, todas as receitas futuras do jornal obtidas por meio do Youtube estão previamente bloqueadas.

Anteriormente, a Folha Política teve sua sede invadida e TODOS os seus equipamentos apreendidos, inclusive celulares e tablets dos sócios e de seus filhos. Mesmo assim, a equipe continuou trabalhando como sempre, de domingo a domingo, dia ou noite, para trazer informação sobre os três poderes e romper a espiral do silêncio imposta pela velha imprensa, levando informação de qualidade para todos os cidadãos e defendendo os valores, as pessoas e os fatos excluídos pelo mainstream, como o conservadorismo e as propostas de cidadãos e políticos de direita.

Se você apoia o trabalho da Folha Política e pode ajudar a evitar que o jornal seja fechado pela ausência de recursos para manter sua estrutura, cumprir seus compromissos financeiros e pagar seus colaboradores, doe por meio do PIX cujo QR Code está visível na tela ou por meio do código ajude@folhapolitica.org. Caso não utilize PIX, há a opção de transferência bancária para a conta da empresa Raposo Fernandes disponível na descrição deste vídeo e no comentário fixado no topo.

A Folha Política atua quebrando barreiras do monopólio da informação há quase 10 anos e, com a sua ajuda, poderá se manter firme e continuar a exercer o seu trabalho. PIX: ajude@folhapolitica.org


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...