quarta-feira, 13 de abril de 2022

Bolsonaro aponta desafios superados pelo Brasil e luta pela liberdade: ‘pandemia, guerra, estiagem, geada’


Durante o lançamento do programa Recicla+ e do Plano Nacional de Resíduos Sólidos, o presidente Jair Bolsonaro fez um eloquente discurso sobre a posição do Brasil como potência ambiental e sobre as perspectivas para o futuro. 

O presidente afirmou que o Brasil pode garantir segurança alimentar e energética para si e para uma parte considerável do mundo. Bolsonaro mencionou a possibilidade de gerar energia equivalente a 50 Itaipus no Nordeste com usinas eólicas, além de mencionar o hidrogênio verde e o álcool. 

Bolsonaro falou ainda da capacidade do país em garantir a segurança alimentar e sobre a valorização dessa capacidade após a guerra da Ucrânia, que vem revelando falhas de planejamento em países do mundo todo, além de diminuir a oferta de trigo no mercado mundial. O presidente lembrou que o país vem investindo na produção de trigo e disse: “nós passaremos a ser auto-suficientes em trigo e também poderemos exportar o equivalente a 2x o consumo de trigo do Brasil”

O presidente explicou: “é um país que vem tratando a coisa pública com o devido respeito. Todos nós passaremos a nos beneficiar disso”. Bolsonaro mencionou os graves problemas enfrentados por seu governo, como pandemia, guerra, estiagem, geada, e disse: “mesmo assim, nós resistimos. O Brasil é um país que, na economia, tem despontado como um dos países que menos sofreu”. O presidente apontou que, enquanto vários países do mundo já sofrem com desabastecimento, o Brasil permanece seguro, e mencionou ainda a questão da energia. Bolsonaro apontou que isso é o resultado de um trabalho em equipe e disse: “Esse é um Brasil que, cada vez mais, se apresenta de forma bastante altiva para o mundo”. 

O presidente Bolsonaro apontou: “o mundo sabe, e por questões econômicas e políticas, não reconhece: o Brasil é uma potência ambiental”. Bolsonaro ironizou a sugestão de alguns países europeus, que querem “reflorestar o Brasil” mas não reconstroem suas próprias florestas, e disse: “é uma guerra econômica”. 

O presidente afirmou acreditar que o Brasil é um país livre e democrático, e acrescentou que é um país “que não quer retornar ao que era há pouco tempo: um país voltado a uma ideologia que não deu certo em lugar nenhum do mundo”. Bolsonaro lembrou que a escolha está nas mãos da população. 

A ditadura da toga segue firme. O Brasil tem hoje presos políticos e jornais, parlamentares e influenciadores censurados. A Folha Política tem toda sua receita gerada desde 1º de julho de 2021 confiscada por uma ‘canetada’ do ministro Luis Felipe Salomão, ex-corregedor do TSE, com o aplauso e o respaldo dos ministros Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes. Além disso, todas as receitas futuras do jornal obtidas por meio do Youtube estão previamente bloqueadas.

Anteriormente, a Folha Política teve sua sede invadida e TODOS os seus equipamentos apreendidos, a mando do ministro Alexandre de Moraes. Mesmo assim, a equipe continuou trabalhando como sempre, de domingo a domingo, dia ou noite, para trazer informação sobre os três poderes e romper a espiral do silêncio imposta pela velha imprensa, levando informação de qualidade para todos os cidadãos e defendendo os valores, as pessoas e os fatos excluídos pelo mainstream, como o conservadorismo e as propostas de cidadãos e políticos de direita.

Se você apoia o trabalho da Folha Política e pode ajudar a evitar que o jornal seja fechado pela ausência de recursos para manter sua estrutura, cumprir seus compromissos financeiros e pagar seus colaboradores, doe por meio do PIX cujo QR Code está visível na tela ou por meio do código ajude@folhapolitica.org. Caso não utilize PIX, há a opção de transferência bancária para a conta da empresa Raposo Fernandes disponível na descrição deste vídeo e no comentário fixado no topo.

A Folha Política atua quebrando barreiras do monopólio da informação há quase 10 anos e, com a sua ajuda, poderá se manter firme e continuar a exercer o seu trabalho. PIX: ajude@folhapolitica.org


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...