quinta-feira, 21 de abril de 2022

Coronel Sandro e cidadãos de Belo Horizonte fazem carreata pró-Bolsonaro e em apoio a Daniel Silveira: ‘O Brasil pertence aos brasileiros, não a uma corja’


O deputado estadual Coronel Sandro acompanhou, em Belo Horizonte, uma manifestação pela liberdade e em apoio ao deputado Daniel Silveira e ao presidente Jair Bolsonaro. Os cidadãos mineiros foram às ruas e realizaram uma carreata para manifestar suas opiniões. O parlamentar argumentou: “Bolsonaro é a continuidade da salvação do Brasil. Não existe terceira via. Quem fala que é terceira via é o Lula Ladrão. É a escolha entre o Céu e o Inferno”.

A respeito de Daniel Silveira, o coronel comentou: “Hoje é um luto total. Hoje, além do adesivaço, é um protesto contra a decisão de ontem que condenou o Daniel Silveira por dez votos a um. Quem foi condenado não foi o Daniel Silveira, foi a liberdade (...). Precisamos evitar que essa desgraça chamada PT volte a nos governar. Isso vai acabar com o Brasil”.

O deputado acrescentou: “Precisamos fazer isso chegar nas pessoas que estão nas trevas ainda. Aquelas que foram doutrinadas pela esquerda ao longo dos anos. Compartilhem. Vamos mostrar que Belo Horizonte deu a largada. Bolsonaro é pré-candidato. A nossa opção em Minas Gerais e em todos os estados da federação é com Bolsonaro. Um presidente temente a Deus, que defende Pátria, Família, Liberdade, Propriedade, Vida. Aplica o dinheiro do brasileiro no Brasil. Não aplica, via BNDES, para construir metrô em Caracas, na Venezuela, porto em Cuba. Dinheiro do brasileiro é para ser usado com o brasileiro. Não é como essa corja de esquerdistas que financiou bilhões de obras no exterior e ainda tomou calote. Isso mat** centenas de milhares de brasileiros, pois faltaram hospitais, alimentação, programas sociais. Bandidos roubam nosso dinheiro, nossa alma, nos escravizam, querem deixar o povo brasileiro na burrice. Quem não tem educação e conhecimento, é mais fácil de ser escravizado. Uma população inculta vira escrava”.

Coronel Sandro lembrou: “Não existe liberdade dada. Existe liberdade alcançada na luta, no mérito. É uma luta do bem contra o mal. Coloque isso na sua cabeça. Não importa a profissão que você tenha, a sua idade. O que governos comunistas querem é ter domínio sobre o povo. Dominar todo o Estado, a produção. Enquanto você servir, te dão alimentação, permitem que você viva. Se você contrariá-los, te mandam para o desterro, para a prisão, tiram a sua vida. O Estado é que tem de nos servir. Nós mandamos no Estado. Direito de ir e vir, liberdade de opinião. O Brasil pertence aos brasileiros, não a uma corja”.

Muitos brasileiros estão vivendo sob o jugo de uma ditadura, em que seus direitos e garantias fundamentais estão sendo desrespeitados. O país tem presos políticos e pessoas, jornais e sites censurados. A totalidade da renda da Folha Política, e também de outros canais e sites conservadores, está sendo confiscada a mando do ministro Luís Felipe Salomão, ex-corregedor do Tribunal Superior Eleitoral, em uma decisão que recebeu o respaldo dos ministros Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes.

Se você apoia o trabalho da Folha Política, que há quase 10 anos mostra os fatos da política brasileira, e pode ajudar o jornal a permanecer em funcionamento, doe qualquer valor através do Pix, usando o QR Code que aparece na tela ou o código ajude@folhapolitica.org.  Caso não utilize PIX, há a opção de transferência bancária para a conta da empresa Raposo Fernandes disponível na descrição deste vídeo e no comentário fixado no topo.

Há 10 anos, a Folha Política vem mostrando para você os fatos da política brasileira, fazendo a cobertura dos três poderes, e dando voz a pessoas que o cartel midiático quer calar. Pix: ajude@folhapolitica.org


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...