segunda-feira, 11 de abril de 2022

Deputado Otoni empareda Pacheco ao expor alerta de ex-ministro sobre Moraes, do STF, e detona Lula


Da tribuna da Câmara, o deputado Otoni de Paula manifestou sua preocupação com declarações do ex-ministro do Supremo Tribunal Federal Marco Aurélio Mello sobre Alexandre de Moraes. O deputado disse que as declarações de Mello são “alarmantes e terrivelmente preocupantes”.

Otoni de Paula citou trechos da entrevista do ministro Marco Aurélio manifestando sua preocupação com a presidência do Tribunal Superior Eleitoral durante as eleições deste ano. O ex-ministro Marco Aurélio disse, sobre Alexandre de Moraes: “Ele vem tendo uma atuação trepidante, já que os incidentes vêm se sucedendo, principalmente considerando o descompasso entre o Judiciário e o Executivo, e agora o descompasso entre o Judiciário e o Legislativo, e isso não é bom”.

O deputado enfatizou que o ex-ministro teme “tempestades” devido à atuação de Moraes, mencionando: “Senhores, um ex-Ministro da Suprema Corte teme, teme, Deputado Luiz Lima, meu colega, que o atual Presidente da República tenha o indeferimento de seu registro eleitoral pelo Ministro Alexandre de Moraes”. 

Otoni de Paula dirigiu-se ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, dizendo: “Senador Rodrigo Pacheco, V.Exa. vai acolher o pedido protocolado pelo Senador Eduardo Girão e assinado por número de Senadores exigidos pelo Regimento Interno do Senado Federal, da convocação do ministro Alexandre de Moraes, para que este preste os devidos esclarecimentos de seus atos que atentam contra a democracia, ou não? Caso o senhor não tenha coragem de convocar Alexandre de Moraes, esta é a prova de que o senhor é mais um refém da Suprema Corte”. 

O deputado também alertou sobre o julgamento do deputado Daniel Silveira. Ele apontou: “podemos ter o deputado Daniel Silveira na condição de inelegível, o que seria um absurdo, mas não nos surpreenderia, diante da escalada ditatorial patrocinada pelo ministro Alexandre de Moraes e cumpliciada pelos seus pares da Suprema Corte”. 

Otoni de Paula afirmou: “o povo brasileiro precisa estar atento para esse absurdo que pode acontecer contra o deputado Daniel Silveira, e isto, acontecendo contra o deputado Daniel Silveira, não atenta contra ele, mas atenta diretamente contra a própria democracia”. O deputado disse: “o povo brasileiro não há de aceitar esse crime contra a democracia, contra a vida do parlamentar Daniel Silveira”. E concluiu com o apelo: “Daniel Silveira livre, pela Constituição, pelas leis do país e pelo bom andamento da democracia no Brasil”. 

Nos últimos tempos, as liberdades estão sendo restringidas no Brasil, em especial a liberdade de expressão. Parlamentares, cidadãos e empresas são perseguidos em inquéritos secretos, como o mencionado pelo deputado, e sofrem com medidas abusivas como prisões, buscas e apreensões, censura, bloqueio de redes sociais, e até mesmo confisco de propriedade. 

A renda da Folha Política e de outros sites e canais conservadores está sendo confiscada a mando do ministro Luís Felipe Salomão, do Tribunal Superior Eleitoral, com o apoio e respaldo dos ministros Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes. O confisco da renda atinge todos os vídeos produzidos pelo jornal, independente de tema, data, ou qualquer outro fator. 

Se você apoia o trabalho da Folha Política e pode nos ajudar a manter o jornal, doe qualquer valor utilizando o QR Code que está visível na tela, ou use o código Pix ajude@folhapolitica.org Caso não utilize PIX, há a opção de transferência bancária para a conta da empresa Raposo Fernandes disponível na descrição deste vídeo e no comentário fixado no topo.

Com a sua ajuda, a Folha Política poderá se manter firme e continuar o seu trabalho. PIX: ajude@folhapolitica.org


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...