sexta-feira, 10 de junho de 2022

Bolsonaro impacta nos EUA ao abrir o jogo sobre ataques à liberdade e à Amazônia - Cúpula das Américas - Pronunciamento


O presidente Jair Bolsonaro discursou durante a segunda sessão da Cúpula das Américas, em Los Angeles, nos EUA. O presidente falou da importância de usar a oportunidade para não apenas tratar dos desafios do pós-pandemia, mas também da democracia e dos direitos humanos. Bolsonaro disse: “estamos atentos aos problemas econômicos que afetam o mundo como a inflação, desemprego, e principalmente, ao bem mais precioso para o ser humano, a sua liberdade, aí incluídos a liberdade de expressão, de trabalho e de culto religioso”. 

Bolsonaro lembrou que o Brasil alimenta 1 bilhão de pessoas, garantindo a segurança alimentar de um sexto da população mundial. O presidente disse: “sem o nosso agronegócio, parte do mundo passaria fome”. Bolsonaro afirmou que o Brasil desempenhou um papel de liderança na busca de soluções internacionais na busca da segurança alimentar. 

O presidente lembrou que o Brasil é um dos países que mais preservam o meio ambiente do mundo, além de ter uma das matrizes energéticas mais limpas. O presidente apontou: “nossos desafios são proporcionais ao nosso tamanho. Lembro que a área da Amazônia equivale ao tamanho da Europa ocidental”. Bolsonaro afirmou que o Código Florestal brasileiro deve servir de exemplo para outros países, apresentando uma série de ações que preservam o meio ambiente. O presidente também apresentou projetos, apontando o potencial do país de se tornar uma potência energética de energia limpa. Bolsonaro apontou: “nesse momento em que países desenvolvidos recorrem a  combustíveis fósseis, o Brasil assume papel fundamental como fornecedor de energia totalmente limpa, rumo a uma nova economia neutra em emissões”.

O presidente admitiu: “atualmente, vemos no Brasil e em parte do mundo, um ataque claro às liberdades individuais, por opinar de forma diferente. Deixo aqui uma mensagem de compromisso do Brasil com a integração das américas, como continente próspero e democrático”. Bolsonaro acrescentou: “no Brasil, já se entende que a liberdade é um bem maior que a própria vida, pois um homem ou mulher sem liberdade não tem vida”. 

Muitos brasileiros estão vivendo sob o jugo de uma ditadura, em que seus direitos e garantias fundamentais estão sendo desrespeitados. O país tem presos políticos e pessoas, jornais e sites censurados. A totalidade da renda da Folha Política, e também de outros canais e sites conservadores, está sendo confiscada a mando do ministro Luís Felipe Salomão, ex-corregedor do Tribunal Superior Eleitoral, em uma decisão que recebeu o respaldo dos ministros Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes. Há mais de 11 meses, toda a renda do nosso trabalho é retida sem qualquer justificativa jurídica.

Se você apoia o trabalho da Folha Política, que há 10 anos mostra os fatos da política brasileira, e pode ajudar o jornal a permanecer em funcionamento, doe qualquer valor através do Pix, usando o QR Code que aparece na tela ou o código ajude@folhapolitica.org. Caso não utilize PIX, há a opção de transferência bancária para a conta da empresa Raposo Fernandes disponível na descrição deste vídeo e no comentário fixado no topo.

Há 10 anos, a Folha Política vem enfrentando a espiral do silêncio imposta pelo cartel midiático que quer controlar a informação. Pix: ajude@folhapolitica.org


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...