sexta-feira, 10 de junho de 2022

Bolsonaro rebate ator Mark Ruffalo e explica conceitos básicos de democracia


Durante a participação do presidente Jair Bolsonaro na Cúpula das Américas, nos Estados Unidos, o ator Mark Ruffalo postou, em suas redes sociais, fotografia de um caminhão-outdoor com a frase “não confie no Bolsonaro”. O ator dirigiu-se ao presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e disse: “Caro presidente: o homem que o senhor está encontrando hoje não respeita a democracia e faz ameaças consistentes de um golpe. Enquanto começam as audiências sobre o dia 6 de janeiro, lembre de ficar do lado da democracia”. 

O presidente Jair Bolsonaro respondeu, trocando o nome do ator pelo nome das batatas fritas: 

“Caro Mark Ruffles, fique calmo! Tenho certeza de que você nunca leu a Constituição brasileira, mas posso garantir que não é tão difícil como os roteiros que você memorizou para fazer o Hulk: “AHGFRR”. Leia e você vai descobrir que não apenas eu estou respeitando, mas também protegendo as leis brasileiras. 

Os registros mostram que o meu governo sempre esteve do lado da democracia e da Constituição. É a esquerda brasileira (os seus patrões) que quer controlar a imprensa, acabar com a liberdade de expressão, censurar a internet, e sustentar ditaduras como Cuba e Venezuela, e não eu”.

O presidente fez referência aos personagens dos filmes para esclarecer: “Para colocar de forma simples: se o Capitão América fosse eleito, por mais de 55 milhões de pessoas, e o Thanos, um estrangeiro que não sabe nada sobre os Estados Unidos, tentasse interferir no território ou no processo eleitoral americano, seria o Thanos e não o Capitão quem estaria desrespeitando a democracia”. 

O presidente acrescentou: “aliás, o Hulk original era bem mais legal. Ele não precisava de um computador para parecer forte, e realmente sabia alguma coisa sobre a natureza”. 

No Brasil, a ditadura da toga segue firme. O país tem hoje presos políticos e jornais, parlamentares e influenciadores censurados. A Folha Política tem toda sua receita gerada desde 1º de julho de 2021 confiscada por uma ‘canetada’ do ministro Luis Felipe Salomão, ex-corregedor do TSE, com o aplauso e o respaldo dos ministros Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes. Além disso, todas as receitas futuras do jornal obtidas por meio do Youtube estão previamente bloqueadas. Há mais de 11 meses, todos os rendimentos do jornal estão sendo retidos sem justificativa jurídica. 

Anteriormente, a Folha Política teve sua sede invadida e TODOS os seus equipamentos apreendidos, a mando do ministro Alexandre de Moraes. Mesmo assim, a equipe continuou trabalhando como sempre, de domingo a domingo, dia ou noite, para trazer informação sobre os três poderes e romper a espiral do silêncio imposta pela velha imprensa, levando informação de qualidade para todos os cidadãos e defendendo os valores, as pessoas e os fatos excluídos pelo mainstream, como o conservadorismo e as propostas de cidadãos e políticos de direita.

Se você apoia o trabalho da Folha Política e pode ajudar a evitar que o jornal seja fechado pela ausência de recursos para manter sua estrutura, cumprir seus compromissos financeiros e pagar seus colaboradores, doe por meio do PIX cujo QR Code está visível na tela ou por meio do código ajude@folhapolitica.org. Caso não utilize PIX, há a opção de transferência bancária para a conta da empresa Raposo Fernandes disponível na descrição deste vídeo e no comentário fixado no topo.

A Folha Política atua quebrando barreiras do monopólio da informação há 10 anos e, com a sua ajuda, poderá se manter firme e continuar a exercer o seu trabalho. PIX: ajude@folhapolitica.org

 

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...