quarta-feira, 1 de junho de 2022

Coronel Tadeu lembra escândalos petistas em fundos de pensão: ‘um verdadeiro assalto ao dinheiro do trabalhador’


Da tribuna da Câmara dos Deputados, o deputado federal Coronel Tadeu relembrou o que chamou de “algumas das arruaças que o PT fez no Brasil nos últimos anos”. O deputado afirmou que lembraria apenas dos fundos de pensão que foram alvo de corrupção do partido. Coronel Tadeu enfatizou que, no caso de fundos de pensão, trata-se de dinheiro dos próprios trabalhadores que o partido diz defender. O deputado disse: “O que fez o PT, resumidamente? Sumiu com tudo. E hoje, lamentavelmente, trabalhadores têm que bancar esse déficit. Um verdadeiro assalto ao dinheiro do trabalhador”. 

O deputado lembrou que os eleitores decidirão, em outubro, o destino dos políticos, e pediu que façam, antes de votar, uma pesquisa sobre os escândalos petistas. Coronel Tadeu disse: “tenho certeza de que a decisão de vocês ficará muito fácil quando vocês perceberem que o partido dos trabalhadores sumiu com o dinheiro dos trabalhadores”.

A liberdade, no Brasil, está sob ameaça, assim como a propriedade privada, em consequência do ativismo judicial de alguns membros do Judiciário. A renda da Folha Política e de outros sites e canais conservadores está sendo confiscada a mando do ministro Luís Felipe Salomão, ex-corregedor do Tribunal Superior Eleitoral, com o apoio e respaldo dos ministros do STF Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes. O confisco da renda atinge todos os vídeos produzidos pelo jornal, independente de tema, data, ou qualquer outro fator. Há mais de 11 meses, toda a renda do nosso trabalho vem sendo retida, sem qualquer previsão legal.

Se você apoia o trabalho da Folha Política e pode nos ajudar a manter o jornal, doe qualquer valor utilizando o QR Code que está visível na tela, ou use o código Pix ajude@folhapolitica.org. Caso não utilize PIX, há a opção de transferência bancária para a conta da empresa Raposo Fernandes disponível na descrição deste vídeo e no comentário fixado no topo.

Com a sua ajuda, a Folha Política poderá se manter firme e continuar o seu trabalho. PIX: ajude@folhapolitica.org


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...