quinta-feira, 30 de junho de 2022

Senadores aprovam requerimento para que o STF preste contas dos gastos com inquéritos políticos de Moraes


O senador Eduardo Girão comemorou, pelas redes sociais, a aprovação de um requerimento para que o Supremo Tribunal Federal mostre os gastos que já foram feitos com os inquéritos políticos conduzidos pelo ministro Alexandre de Moraes. Girão disse: 

PELA TRANSPARÊNCIA. SEMPRE ATENDENDO ANSEIOS LEGÍTIMOS DA SOCIEDADE ☀️

Foi aprovado requerimento, apresentado por mim na Comissão de fiscalização e controle do @senadofederal para que o STF apresente os gastos, com dinheiro público, feitos com os inquéritos 4828/DF e 4781/DF ambos relatados pelo ministro Alexandre  de Moraes. 

Essas investigações estão atreladas a vícios de enorme gravidade, seguem na contramão dos princípios que norteiam o devido processo legal e continuam impondo gastos que escapam ao princípio da transparência.   Por isso, a importância dessas informações para o esclarecimento da população brasileira.  Agradeço ao Presidente da Comissão @reguffe_oficial pela coragem em ter colocado esse requerimento em pauta. 

Seguimos fazendo a nossa parte na expectativa que o Senado cumpra com suas prerrogativas em nome do equilíbrio e da harmonia entre os Poderes para o fortalecimento da nossa Democracia. A Verdade e a justiça prevalecerão! Paz & Bem.

Na sessão da Comissão em que o requerimento foi aprovado, houve também a aprovação de um convite ao ministro da Defesa, ao ministro Alexandre de Moraes, ao deputado Filipe Barros, ao diretor-geral da Polícia Federal e a um representante de Transparência Internacional, para debater a transparência nas eleições. 

O senador Eduardo Girão também anunciou, pelas redes sociais, que o desembargador Fernando Carioni aceitou o convite para participar da audiência pública para a qual os ministros Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes foram convidados a prestar esclarecimentos sobre sua atuação política e ativismo judicial. Girão disse: 

PRESIDENTE DO TRE/SC, CRÍTICO DO ATIVISMO JUDICIAL NO STF, CONFIRMA PRESENÇA EM NOSSA AUDIÊNCIA DO DIA 05/07 QUE DEVE OUVIR JURISTAS E MINISTROS DA CORTE👈🏾

Convite feito e já aceito pelo corajoso desembargador Fernando Carioni.

Veja na sequência nesta postagem o seu forte discurso contra a militância ideológica no Supremo tribunal do Brasil em sua posse como Presidente do Tribunal Regional de Santa Catarina. Ele estará participando da audiência pública na Comissão de transparência e fiscalização do @senadofederal aprovada a partir do meu requerimento para ouvir os Ministros Barroso e Alexandre de Moraes, assim como os Ex Ministros Marco Aurélio Melo e Francisco Resek do STF e também do STJ e outros juristas brasileiros. Agende-se você também. Será as 14:30 da próxima terça feira!

Neste #TBT de uma viagem feita há 15 dias para a charmosa Florianópolis e que encontrei com o DR. Felipe Carioni aproveito para agradecer a acolhida muito calorosa dos catarinenses apesar da temperatura bem fria ( para um cearense 😉 ) da região nesse período do ano 🥶...rsrs

Paz & Bem e ótima tarde !

A liberdade, no Brasil, está sob ameaça, assim como a propriedade privada, em consequência do ativismo judicial de alguns membros do Judiciário. A renda da Folha Política e de outros sites e canais conservadores está sendo confiscada a mando do ministro Luís Felipe Salomão, ex-corregedor do Tribunal Superior Eleitoral, com o apoio e respaldo dos ministros do STF Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes. O confisco da renda atinge todos os vídeos produzidos pelo jornal, independente de tema, data, ou qualquer outro fator. Há mais de 11 meses, toda a renda do nosso trabalho vem sendo retida, sem qualquer previsão legal.

Se você apoia o trabalho da Folha Política e pode nos ajudar a manter o jornal, doe qualquer valor utilizando o QR Code que está visível na tela, ou use o código Pix ajude@folhapolitica.org

Caso não utilize PIX, há a opção de transferência bancária para a conta da empresa Raposo Fernandes disponível na descrição deste vídeo e no comentário fixado no topo.

Com a sua ajuda, a Folha Política poderá se manter firme e continuar o seu trabalho. PIX: ajude@folhapolitica.org



Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...