quinta-feira, 3 de novembro de 2022

Deputado Marcel van Hattem faz apelo ao Brasil: foco em impeachment de Moraes e presidência do Senado


Em pronunciamento ao vivo, o deputado federal Marcel van Hattem apontou os caminhos que entende que a direita deve tomar a partir do resultado da eleição presidencial. O deputado disse: “O que a gente tem que fazer daqui para a frente? Elogiando todos aqueles que foram às ruas de forma pacífica, de forma honrada, que estão indignados, assim como eu, e querem o Lula voltando para a cadeia com saudades da suíte que ele tinha na carceragem de Curitiba. O que a gente precisa fazer? Pressionar Câmara e Senado. O Senado precisa ser pressionado, uma das coisas mais importantes agora, para que tenha um presidente diferente. O Senado precisa ter outro presidente, um que permita que se tramite um impeachment de ministro do STF. Isso é prioritário. Ou vocês acham que não é? De onde vem parte relevante dos problemas? De ministros do STF, do TSE, que não estão cumprindo seu papel de respeito às leis e à Constituição. As duas coisas são gravíssimas. São guardiões da Constituição. Isso precisa ter prioridade máxima”

O deputado alertou: “Precisamos ter Câmara e Senado fortes, na Presidência, contra o Lula e a questão do Supremo Tribunal Federal. Precisamos continuar a militância nas redes sociais e nas ruas. Temos três governadores em estados importantes que não são alinhados ao petismo. Temos o Tarcísio em São Paulo, o Zema em Minas Gerais e o Castro no Rio de Janeiro. É muito importante termos serenidade”

Marcel Van Hattem explicou a importância de ter planos de longo prazo: “Nós precisamos trabalhar uma alternativa de longo prazo. Fui aluno do Olavo de Carvalho, inclusive nas aulas presenciais, no começo. Ele dizia que não é só a eleição que importa, é preciso que se chegue a todas as esferas com a mentalidade de direita”

A liberdade, no Brasil, assim como a propriedade privada, já não são mais direitos fundamentais garantidos, em consequência do ativismo judicial de alguns membros do Judiciário. A renda da Folha Política e de outros sites e canais conservadores está sendo confiscada a mando do ministro Luís Felipe Salomão, ex-corregedor do Tribunal Superior Eleitoral, com o apoio e respaldo dos ministros do STF Luís Roberto Barroso, Alexandre de Moraes e Edson Fachin. O confisco da renda, que vem sendo mantido pela atual corregedoria,  atinge todos os vídeos produzidos pelo jornal, independente de tema, data, ou qualquer outro fator. Há mais de 16 meses, toda a renda do nosso trabalho vem sendo retida, sem qualquer previsão legal.

Se você apoia o trabalho da Folha Política e pode nos ajudar a manter o jornal, doe qualquer valor utilizando o QR Code que está visível na tela, ou use o código Pix ajude@folhapolitica.org. Caso não utilize PIX, há a opção de transferência bancária para a conta da empresa Raposo Fernandes disponível na descrição deste vídeo e no comentário fixado no topo.

Com a sua ajuda, a Folha Política poderá se manter firme e continuar o seu trabalho. PIX: ajude@folhapolitica.org


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...