quinta-feira, 15 de dezembro de 2022

Policial Federal, deputado Sanderson escancara ilegalidades de Moraes e pressiona Pacheco frente a frente: ‘Inquérito ilegal instaurado para cometer abusos’


O deputado Sanderson dirigiu-se ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, durante sessão do Congresso Nacional, cobrando que o Senado cumpra seu papel constitucional de controle dos atos de ministros das cortes superiores. O deputado relatou: “nós aqui, na Câmara dos Deputados, mais uma vez preocupados diante do avanço autoritário de um Ministro do STF, o Alexandre de Moraes, que, mais uma vez, usando de um inquérito, da nossa visão, ilegal, impróprio, instaurado para cometer abusos, e hoje, mais uma vez, ações policiais em vários estados do Brasil para prender pessoas que não cometeram crime algum, e estão sendo submetidas a buscas aí em alguns estados simplesmente por terem, em tese, participado de manifestações. Isso nos preocupa muito”.

Sanderson lembrou que é prerrogativa do Senado Federal “fiscalizar e controlar atos que porventura sejam abusivos de quem quer que seja, inclusive de ministros do STF”. O deputado afirmou: “Precisamos de uma resposta firme, altiva do Parlamento brasileiro, afinal de contas ninguém está acima da lei, ninguém pode estar acima da lei numa República que se pretende democrática”.

O deputado lembrou que os ministros que têm a obrigação de respeitar a Constituição são os que estão violando o texto legal. Sanderson disse: “isso é um absurdo que nós, Deputados Federais, Senadores da República, não podemos aceitar silentes”. Ele pediu: “Então, Presidente Rodrigo Pacheco, fica aqui o nosso apelo enquanto Deputados Federais para que o Senado Federal, o Presidente do Senado tome uma atitude para que se equilibrem as forças e nós tenhamos paz finalmente no Brasil”.

Muitos brasileiros estão, há muito tempo, vivendo sob o jugo de uma ditadura, em que seus direitos e garantias fundamentais estão sendo desrespeitados. O país tem presos políticos e pessoas, jornais e sites censurados. A totalidade da renda da Folha Política, e também de outros canais e sites conservadores, está sendo confiscada a mando do ministro Luís Felipe Salomão, ex-corregedor do Tribunal Superior Eleitoral, em uma decisão que recebeu o respaldo dos ministros Luís Roberto Barroso, Alexandre de Moraes e Edson Fachin. Há mais de 17 meses, toda a renda do nosso trabalho é retida sem qualquer justificativa jurídica.

Se você apoia o trabalho da Folha Política, que há 10 anos mostra os fatos da política brasileira, e pode ajudar o jornal a permanecer em funcionamento, doe qualquer valor através do Pix, usando o QR Code que aparece na tela ou o código ajude@folhapolitica.org. Caso não utilize PIX, há a opção de transferência bancária para a conta da empresa Raposo Fernandes disponível na descrição deste vídeo e no comentário fixado no topo.

Há 10 anos, a Folha Política vem enfrentando a espiral do silêncio imposta pelo cartel midiático que quer controlar a informação. Pix: ajude@folhapolitica.org


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...