quinta-feira, 19 de janeiro de 2023

Lula diz que não quer CPI de 8 de janeiro e parlamentares e cidadãos questionam: ‘por que será?’


Em entrevista à rede Globo, o presidente Lula afirmou ser contrário à instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito para investigar os atos de depredação ocorridos no dia 8 de janeiro. Defensores da CPI querem que ela investigue todos os atos relativos às invasões, inclusive as omissões de órgãos do governo federal que permitiram o acesso de vândalos aos prédios dos três poderes. Lula disse: “Nós temos instrumentos para fiscalizar o que aconteceu nesse país. Uma comissão de inquérito pode não ajudar e ela pode criar uma confusão tremenda, sabe? Nós não precisamos disso agora”. 

O presidente afirmou: "Se, por acaso, eles me pedissem um conselho – que é difícil pedir conselho – eu dizia: não façam CPI, porque não vai ajudar". Lula afirmou que os atos já estariam sendo “investigados”, vangloriou-se das prisões em massa, e perguntou: “O que você pensa que a gente vai ganhar com uma CPI?”.

O deputado Carlos Sampaio questionou: “Concordam que é no mínimo estranho que o PT esteja trabalhando contra a abertura da CPI que pretende investigar os atos do último dia 8?”. Em vídeo divulgado pelas redes sociais, o deputado disse: “O novo líder do PT na Câmara, deputado Zeca Dirceu, está pregando cautela sobre a criação de uma CPI para investigar a invasão e o quebra-quebra que houve nos prédios dos três poderes, em Brasília, no último dia 8. Não entendi. Se os fatos foram graves, como diz o próprio PT e todos nós que presenciamos os atos de destruição, por que o receio de uma CPI, Zeca?”. 

O investidor Leandro Ruschel disse: “Lula deixou claro que NÃO QUER CPI sobre o ataque aos prédios dos poderes em 8 de janeiro. O que o descondenado está tentando esconder????”. Comentando fala do líder do PT na Câmara, Ruschel acrescentou: “O PT abrindo mão de uma CPI para perseguir adversários políticos? Tem caroço nesse angu”. 

O economista Alan Ghani ironizou: “Sou a favor que os vândalos sejam investigados pela CPI, FBI, CIA, CSI, PF, MP, Miami vice, esquadrão classe A e Scotland Yard, etc. Acho que o descondenado também deveria ser a favor”. Ele acrescentou: “De acordo com as notícias (Abin), o governo federal sabia da invasão ao Congresso e nada fez para evitar. Agora, o governo federal não quer uma CPI. Cada um tire suas conclusões”.

O deputado Daniel Freitas perguntou: “Por que o Lula e o PT não querem uma CPI para investigar a fundo o que ocorreu em Brasília no dia 8/jan?”. 

A internauta Sarita Coelho disse: “Lula quer impedir a instauração da CPI do quebra-quebra. O argumento dele é não querer transformar Bolsonaro em vítima do regime petista. Mas também há outras questões: teremos um Senado mais conservador; a líder do ato era contrária ao Bolsonaro e Dino sabia dos riscos e nada fez”.

O vereador Pier Petruzziello perguntou: “PT trabalhando contra a CPI sobre as invasões de 8 de janeiro. Qual a explicação?”.

O empresário Julio Schneider disse: “O líder do PT na Câmara e filho de José Dirceu, o deputado Zeca Dirceu tem pregado cautela em relação à abertura de uma CPI para apurar os atos golpistas do último dia 8. O parlamentar disse que a bancada do partido Casa já decidiu adiar a decisão. Vai que descobrem a verdade….”

O advogado Flávio José Linhares questionou: “Os que acusam não querem uma CPI, mas por qual razão? Todos querem saber o que houve, quem praticou os atos de vandalismo e qual o motivo. Mas enquanto isso nas células municipais temos covardes e medrosos que se escondem acusando manifestantes que nada tiveram a ver com isso”.

O geógrafo Palassi disse: “Depois de prender até o ex ministro da justiça pelo crime de estar de férias fora do país, e 1800 pessoas, porquê o Lule vai querer uma CPI? JÁ montou um aparato de censura, prisões, perseguição e ameaças a opositores”.

O deputado Evair de Melo defendeu: “CPI JÁ! Precisamos de assinaturas. Mande mensagem para o seu Deputado pedindo para assinar o Requerimento CD 231654147400”. O deputado comentou a declaração de Lula: “É óbvio que ele não quer ser investigado, sabe que “tem caroço nesse angu””.

O internauta Armando Schneider da Silva disse: “Ué… Lula diz não apoiar CPI para investigar atos de vandalismo do dia 08/01 em Brasília… Traduzindo: Lula não quer que sejam investigadas as informações e alertas que a ABIN repassou para o ministério da justiça dias antes do ocorrido… Por que será?”.

Investigações seletivas estão comuns no País. [z25] No Supremo Tribunal Federal, o ministro Alexandre de Moraes conduz inquéritos sigilosos contra apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro. Em um desses inquéritos, a sede da Folha Política foi invadida e todos os equipamentos do jornal foram apreendidos. Após a Polícia Federal atestar que não havia motivos para qualquer indiciamento, o inquérito foi arquivado a pedido do Ministério Público, mas o ministro abriu outro inquérito de ofício e compartilhou os dados do inquérito arquivado. Atualmente, a renda do jornal está sendo confiscada a mando do ministro Luís Felipe Salomão, ex-corregedor do Tribunal Superior Eleitoral, em atitude que foi elogiada pelos ministros Luís Roberto Barroso, Alexandre de Moraes e Edson Fachin. Há mais de 18 meses, toda a renda de jornais, sites e canais conservadores está sendo retida, sem qualquer base legal. 

Se você apoia o nosso trabalho e pode ajudar a Folha Política a continuar funcionando, doe qualquer valor através do QR Code que está visível na tela, ou através do código pix ajude@folhapolitica.org. Caso não utilize PIX, há a opção de transferência bancária para a conta da empresa Raposo Fernandes disponível na descrição deste vídeo e no comentário fixado no topo.

Há 10 anos, a Folha Política vem mostrando os fatos da política brasileira, enfrentando a espiral do silêncio imposta pelo cartel midiático que pretende controlar o fluxo de informações no Brasil. Pix: ajude@folhapolitica.org


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...