quinta-feira, 2 de março de 2023

Chris Tonietto enfrenta Lula e aponta como ‘o crime compensa’ para o PT: ‘Rachadão, charutão, petrolão, mensalão’


Da tribuna da Câmara, a deputada Chris Tonietto ironizou a ausência de propostas do governo Lula e listou quais são as “pautas” do governo. Ela disse: “É a pauta do aumento dos impostos federais, é a pauta do aumento da inflação, é a pauta, por exemplo, do rachadão. Antes, era apenas conhecido como o Governo do mensalão, o Governo do petrolão, o Governo do charutão, e agora tem uma inovação: agora é também o Governo do rachadão”.

A deputada explicou: “é importante nós trazermos à baila um fato importantíssimo: o líder na lista da COAF, ou seja, aquele que ficou em primeiro lugar na lista da COAF de rachadinha, lá no Rio de Janeiro, inclusive aquele que ocupou a Presidência da ALERJ, André Ceciliano, recebeu do PT o quê? Um prêmio de consolação: recebeu nada menos do que a nomeação para a Secretaria Especial de Assuntos Federativos. O crime compensa nesse Governo. Este é o Governo que, infelizmente, durante muito tempo, institucionalizou a corrupção no nosso País”.

A deputada comparou a reação do governo Lula à catástrofe no litoral norte de São Paulo com fatos semelhantes ocorridos no governo Bolsonaro. Tonietto apontou que, enquanto os paulistas estavam na lama, a primeira-dama aproveitava o carnaval, e Lula destinou meros 7 milhões para as vítimas das chuvas. A deputada disse: “Então, numa simplória comparação, nós já percebemos muito bem qual é o Governo dos pobres, ou melhor, o Governo que cuida supostamente dos necessitados. O Governo Bolsonaro de fato cuidou, zelou pelas pessoas necessitadas que foram atingidas pelas fortes chuvas, ao passo que o Governo Lula, neste momento, está mais preocupado com outras coisas”. 

A ditadura da toga segue firme. O Brasil tem hoje presos políticos e jornais, parlamentares e influenciadores censurados. A Folha Política tem toda sua receita gerada desde 1º de julho de 2021 confiscada por uma ‘canetada’ do ministro Luis Felipe Salomão, ex-corregedor do TSE, com o aplauso e o respaldo dos ministros Luís Roberto Barroso, Alexandre de Moraes e Edson Fachin. Além disso, todas as receitas futuras do jornal obtidas por meio do Youtube estão previamente bloqueadas. Há mais de 20 meses, todos os rendimentos do jornal estão sendo retidos sem justificativa jurídica. 

Anteriormente, a Folha Política teve sua sede invadida e TODOS os seus equipamentos apreendidos, a mando do ministro Alexandre de Moraes. Mesmo assim, a equipe continuou trabalhando como sempre, de domingo a domingo, dia ou noite, para trazer informação sobre os três poderes e romper a espiral do silêncio imposta pela velha imprensa, levando informação de qualidade para todos os cidadãos e defendendo os valores, as pessoas e os fatos excluídos pelo mainstream, como o conservadorismo e as propostas de cidadãos e políticos de direita.

Se você apoia o trabalho da Folha Política e pode ajudar a evitar que o jornal seja fechado pela ausência de recursos para manter sua estrutura, cumprir seus compromissos financeiros e pagar seus colaboradores, doe por meio do PIX cujo QR Code está visível na tela ou por meio do código ajude@folhapolitica.org. Caso não utilize PIX, há a opção de transferência bancária para a conta da empresa Raposo Fernandes disponível na descrição deste vídeo e no comentário fixado no topo.

A Folha Política atua quebrando barreiras do monopólio da informação há 10 anos e, com a sua ajuda, poderá se manter firme e continuar a exercer o seu trabalho. PIX: ajude@folhapolitica.org


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...