sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Emílio Odebrecht vai cumprir 4 anos em prisão domiciliar na Lava Jato

Imagem: Caio Guatelli / Folhapress
Emílio Odebrecht, patriarca da empreiteira que leva seu sobrenome, irá cumprir pena de quatro anos de prisão domiciliar, decorrente de acordo de colaboração premiada no âmbito da Operação Lava Jato.

Segundo o acordo feito entre o dono da Odebrecht e os procuradores da força-tarefa, ele cumprirá os dois primeiros anos em prisão domiciliar no regime semiaberto, quando poderá trabalhar durante o dia e deverá se recolher em casa à noite.

Odebrecht delata caixa 2 em dinheiro vivo para Alckmin

Imagem: Bruno Poletti / Folhapress
A Odebrecht afirmou no acordo de delação premiada com a Operação Lava Jato que realizou pagamento de caixa dois, em dinheiro vivo, para as campanhas de 2010 e 2014 do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB).

Executivos da empreiteira mencionam duas pessoas próximas ao governador como intermediárias dos repasses e afirmam que não chegaram a discutir o assunto diretamente com Alckmin.

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Vídeo mostrando como o juiz Sergio Moro é obrigado a andar com mais de 4 guarda-costas comove internautas; veja

Imagem: Reprodução / Youtube
Circula na internet um vídeo que mostra o juiz Sérgio Moro na sala de embarque de um aeroporto, acompanhado de quatro seguranças. Nos comentários, os internautas lamentam que um juiz, por fazer seu trabalho de combater a corrupção, tenha que andar com guarda-costas. 

Senador Caiado denuncia absurdo cabide de empregos e pede extinção da 'EBC'; veja vídeo

Imagem: Montagem / Folha Política
O senador Ronaldo Caiado defendeu a extinção da EBC, televisão estatal conhecida como "TV Lula". Caiado chamou a EBC de "aberração do Estado" e afirmou que não é possível defender gastos de 600 milhões por ano com uma televisão que não tem audiência.

Apoiadores de Lula fazem 'vaquinha' na internet; meta é atingir R$ 500 mil

Imagem: Ricardo Stuckert / Instituto Lula
O comitê organizado por apoiadores do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva está pedindo desde a quarta-feira (07/12) um valor de R$ 500 mil pela internet para ajudar na mobilização em defensa do petista. A arrecadação faz parte da campanha "Um Brasil Justo pra Todos e pra Lula", lançada no dia 10 de novembro reunindo políticos, artistas e intelectuais para denunciar o que Lula chama de "caçada judicial" contra ele e a "criminalização" do PT. O grupo está pedindo dinheiro através do site Catarse, plataforma online de financiamento coletivo.

Filha de renomado ex-ministro do STF manifesta sua revolta: 'Vergonha alheia'

Imagem: Reprodução / Redes Sociais
A filha do falecido ex-ministro do STF, Paulo Brossard, manifestou pelo Twitter sua indignação com a decisão do STF de manter Renan Calheiros no comando do Senado. Comentando tweet de Josias de Souza, que afirmou que "o Supremo já não é tão supremo assim", ela afirmou: "Colhe-se o que se planta. #VergonhaAlheia pelo Poder Judiciário da República que meu pai integrou com respeito e dignidade".

Senado abre enquete sobre PEC que reduz salário dos políticos à metade e congela por 20 anos; vote

Imagem: Agência Senado
O site do Senado abriu a consulta pública sobre a PEC nº 62/2016, de autoria do senador Magno Malta, que impõe um limite para os salários dos políticos: quinze mil reais. Na prática, a emenda corta os salários a menos da metade. A pesquisa do Senado pode ser acessada neste link. Vote!

UOL Cliques / Criteo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...