quarta-feira, 30 de julho de 2014

Vídeo reúne 'pérolas e mentiras' de Dilma em recente sabatina; assista

Imagem: Reprodução/Youtube
Um vídeo disponibilizado no Youtube pelo canal "É Mentira do PT" reuniu diversos trechos controversos da sabatina da Folha de S. Paulo com a presidente Dilma Rousseff. Na gravação, os excertos são intercalados por comentários bem humorados e provocações. Assista abaixo e comente:

TJ de São Paulo nega recurso do PT e deputado ligado ao PCC pode concorrer à reeleição

Imagem: Marlene Bergamo / Folhapress
A 5ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo negou nesta quarta-feira (30) recurso do PT que visava impedir que o deputado Luiz Moura disputasse um novo mandato na Assembleia estadual neste ano.

Moura teve os direitos partidários suspensos pelo PT no início de junho, após vir a público que ele participou de uma reunião em uma cooperativa de ônibus em que estavam presentes integrantes da facção criminosa PCC. Assim, ele ficou banido de participar da convenção estadual do partido, que escolheu os candidatos às eleições deste ano.

Vara "desconta" dias de pena e Genoino pode ir para o regime aberto

Imagem: Eduardo Knapp / Folhapress
A Vara de Execuções Penais do Distrito Federal descontou nesta quarta-feira (30) 34 dias da pena do ex-deputado José Genoino (PT-SP), condenado no processo do mensalão, em virtude de cursos de introdução à informática e de direito constitucional, feitos dentro do Presídio da Papuda, no Distrito Federal.

Com a decisão, Genoino já tem direito a cumprir pena em regime aberto desde o dia 20 deste mês. No entanto, a autorização será do ministro Luís Roberto Barroso, do STF (Supremo Tribunal Federal), responsável pela execução das penas dos condenados.

Dilma diz que PT herdou 'situação ruim' e prevê 'novo ciclo' no País

Imagem: Reprodução / Estadão
A presidente Dilma Rousseff afirmou, na sabatina na Confederação Nacional da Indústria (CNI) realizada na tarde desta quarta-feira, 30, que governo petista herdou um quadro ruim na capacidade do Estado de planejar ações na área de infraestrutura. "Nós somos herdeiros de uma situação ruim do ponto de vista público e privado", disse. Durante todo seu discurso, a presidente também voltou a criticar o "pessimismo" de alguns anilistas e chegou a fazer um apelo para que os empresários não se deixem envolver por "profecias pessimistas".

Carga tributária é nociva para a competitividade, diz Aécio Neves

Imagem: Marcelo Camargo / Agência Brasil
O candidato à Presidência da República, Aécio Neves (PSDB) disse hoje (30) a empresários que é preciso recuperar a credibilidade do país e retomar o crescimento da economia. O candidato, que ocupa o segundo lugar nas pesquisas de intenção de votos, criticou o atual governo de não se preocupar com a carga tributária cobrada do setor privado que, segundo ele, “é um dos problemas mais nocivos para a competitividade”.

'País não aguenta mais Sarney, Collor e Renan', diz Campos

Imagem: Reprodução / Alagoas na Net
O candidato do PSB à Presidência da República, Eduardo Campos, aproveitou sua participação em sabatina com empresários nesta quarta-feira para atacar a forma como a política é conduzida no Brasil. Durante o Diálogo da Indústria com Candidatos, promovido pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), Campos afirmou que o Brasil não “aguenta” mais um ciclo eleitoral com a participação de políticos influentes no cenário político atual.

Ministério Público pede que ativistas voltem a ser presos

Imagem: Sandro Vox/Agência O Dia
O procurador de Justiça Riscalla Abdenur, do Ministério Público do Rio, entrou com recurso à decisão do desembargador Siro Darlan, de conceder habeas corpus aos 23 ativistas denunciados por formação de quadrilha armada.

Acusados de participarem de protestos violentos no Rio, os 23 tiveram prisão preventiva decretada no último dia 18. Na quarta-feira da semana passada, o desembargador concedeu liberdade a todos os denunciados.

O procurador entrou com um recurso chamado "agravo regimental" e pediu que o desembargador reconsiderasse sua decisão. Segundo nota do MPRJ, caso o magistrado se negue, o Ministério Público pede que submeta o pedido à 7ª Câmara Criminal em até 48 horas. Nesse caso, um grupo de desembargadores apreciariam o pedido do Ministério Público e, consequentemente, os habeas corpus concedidos.

UOL Cliques

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...